Colaboradora de Três Marias

Mineradora do futuro

GRI 103-2, 103-3

Nossa aspiração estratégica consiste em sermos globalmente percebidos como uma empresa inteligente e confiável, que cresce com foco em mineração de zinco e cobre nas Américas, gerando valor para todos os públicos de relacionamento. Esse mandato foi revisado e aprovado em 2018 pelo Conselho de Administração, quando reiteramos nossa intenção de crescer com competitividade, baseados em dois eixos estratégicos – Crescimento e Excelência Operacional – e oito viabilizadores (Pessoas e Organização, Sustentabilidade, Gestão de Projetos, Comercial, Gestão de Riscos, Tecnologia e Automação, Suprimentos e Logística e Estrutura de Capital), que nos auxiliam na execução e no alcance dos objetivos estratégicos.

Para nós, ser inteligente significa inovar por meio de tecnologias e processos transformadores, mantendo-nos conectados ao mundo e às tendências, alocando bem os recursos humanos e financeiros e gerenciando os riscos inerentes ao nosso negócio. Significa também compartilhar conhecimentos e soluções para sermos uma empresa cada vez mais ágil, imprimindo nosso jeito de fazer as coisas – o “Jeito Nexa”.

Ser confiável quer dizer que somos comprometidos em operar de maneira segura, sustentável, contribuindo de maneira efetiva para o desenvolvimento das localidades onde operamos. E, ainda, que somos percebidos como uma empresa que planeja o que faz e cumpre o que planeja.

Nosso Jeito Nexa de executar essa estratégia nos define e nos orienta para continuarmos crescendo com competitividade. E nos permite levar o mundo da mineração para o mundo das pessoas, com produtos de qualidade, produzidos de forma a causar o menor impacto ambiental e deixando um legado social relevante. É assim que queremos construir a mineração do futuro. (Acesse Jeito Nexa para mais informações sobre o programa)

Mandato estratégico

Ao longo de 2019, focamos nossos esforços em aprimorar a execução da nossa estratégia, fortalecendo nossas estruturas e nos conectando às tendências de inovação mundiais. Assim, garantimos o fôlego necessário para sermos competitivos em um cenário da mineração cada vez mais desafiador, com menores teores de minério, maiores obstáculos ambientais e uma cobrança mais acirrada da sociedade e demais stakeholders.

Nosso mandato estratégico é revisado a cada três anos, por meio de um processo denominado Diálogo Estratégico, coordenado pela área de Planejamento Estratégico, que consiste em entrevistas individuais e estruturadas com todos os diretores e conselheiros da empresa para identificar aspectos positivos, oportunidades de melhoria e potenciais ajustes.

Também faz parte desse processo uma análise das macrotendências que afetam a empresa e o setor, das novas tecnologias, do ambiente socioeconômico e político dos países onde operamos. Da mesma forma, cabe uma avaliação das nossas competências, da nossa capacidade de execução da estratégia e da evolução que alcançamos nesses quesitos desde a última avaliação.

Colaboradores de Juiz de Fora